batman-arkham-knight-mosqueteiros

Saiu um gameplay fenomenal do Batman Arkham Knight, o novo jogo da franquia nos consoles e PCs, que vem prometendo muito, mas muito mesmo. Vou aqui comentar um pouco sobre o que espero e os detalhes que me fascinaram a querer ter esse game no meu currículo.

Depois do fiasco (pelo menos pra min), do último game que foi um tapa buraco e fora da cronologia oficial, o sentimento de ter um novo jogo a altura dos anteriores só aumenta, ainda mais quando anunciaram o encerramento da franquia Arkham e mais ainda quando anunciaram que iremos dirigir o Batmóvel.

Ah o Batmóvel, que design fabuloso, conseguiram reunir na minha humilde opinião, os dois veículos mais legais dos filmes do homem morcego. Lembra do Batmóvel do filme Batman Returns de Tim Burton? Pois é, aquela turbina clássica está presente com o layout moderno e mais “realístico” do veículo da trilogia do Christopher Nolan. Esse fator automobilístico e que pode ser visto abaixo a aplicação dele no game, já é a base de tudo para eu comprar esse jogo.

Podemos ver uma Gotham ainda mais sombria e frenética de bagunçada. Um fator que gosto na franquia é o estilo ser um jogo de ação e investigativo. Nesse gameplay tem muito disso, você participa de uma ação frenética com o Batmóvel, que esqueci de falar tem um show off para o Batman entrar para pilotar fodástico. O clima de investigação, com as análises das pistas que morcegão faz com seus gadgets, deixa o jogo com um tom mais “noire” lê-se “noar” (momento babaca).

Assim, em “Arkham Knight”, o cavaleiro das trevas ressurge para encarar o misterioso Arkham Knight, personagem inédito criado para o game. Além do vilão, que parece conhecer Batman melhor do que ninguém e terá campanha via DLC com a Arlequina. Expectativas altas, dinheiro guardado, vamos às compras e infelizmente o game sofreu mais um atraso, agora será lançado em 25 de junho aqui no Brasil.

“Batman: Arkham Knight” será lançado para PlayStation 4, Xbox One e PC.