MALEVOLA RESENHA TOPO 02

Sem SPOILERS:

Incrível mega produção da Disney e dirigido por Robert Stromberg e roteirizado por Linda Woolverton, este filme é uma releitura do conto dos Irmãos Grimm, “A Bela Adormecida”. Desta vez com uma curiosidade que achei fantástica, a história é pela perspectiva da vilã, que foi totalmente humanizada e teve seus motivos. Brilhantemente estrelado por Angelina Julie, a personagem Malévola não só é personagem principal, mas tem toda atenção voltada pra ela mesma, fazendo os demais serem reais coadjuvantes.

Os efeitos especiais são espetaculares, e como é de se esperar da Disney, não houve economias para cena alguma. Apesar de ter sido uma produção conturbada desde 2012, depois algumas refilmagens do mesmo filme em cima da hora do lançamento praticamente em outubro de 2013, a produção foi magnífica.

Li por aí que as críticas se dividiram muito, mas eu adorei a produção, não só pela qualidade de fotografia, maquiagem e efeitos, mas pelo roteiro, que incrivelmente saiu da mesmice, estamos em tempos modernos, as releituras de tudo que existe andam cada vez mais difíceis, e se não haver renovação nem nos contos infantis estaremos a beira de um abismo da falta de criatividade. Um destaque pela trilha sonora que achei também maravilhosa, feitas por Lana Del Rey, foram escolhidas a dedo por Agelina para as partes da personagem Malévola.

Além de que Angelina também participou da caracterização da personagem, se declarando fan de carteirinha da malévola do desenho antigo da Disney, ela quis parecer o máximo possível com a personagem. Os produtores chegaram a falar com Angelina que o personagem nem precisava ser tão sombrio. Mas a mesma insistiu, e de falo ficou espetacular, tanto teria ficado amedrontadora que as crianças estavam aterrorizadas no set de filmagens.

Com isso as cenas da Jovem Aurora, a garota da maldição, foram feitas pela filha da Angelina, que seria a única a não ter medo do visual da mãe.
Coincidência ou não, o filme também estreou nos EUA no dia 30 de maio de 2014, o mesmo dia de lançamento da animação da Disney a 55 anos atrás.

Para quem gostas de fantasia o filme é altamente recomendado, prepare suas batatas e pipoca com muito refrigerante, é diversão garantida. De Malévola e Fada todo mundo tem um pouco.

Pontos negativos: A Malévola é tão intrigante, que merecia mais coisas que contassem sobre quem é e de onde veio, talvez em alguns pontos as coisas aconteçam rápido de mais.

Pontos positivos: Roteiro fora da mesmice talvez seja o maior destaque, efeitos e caracterização dos personagens é um ponto altíssimo também.

Assistam!  Ainda se encontra em cartaz no Cineplex Sete Lagoas